POEMA – 33 ANOS

see also: bulk buy allium bulbs, Cialis Can you write an essay for me 20mg vs 40mg best dosage. differences between20mgand40mgcialis, No perscription overnightbesttime of day to take buying in stВ  Nexium online, buy prozac fluoxetine online, Purchase Hyzaar, Buy Propecia Online Forum, tamoxifen buy uk, i want to buy Certamente que todos nós lamentamos,
A perda de alguém muito querido,
Pois é difícil nos conformarmos,
Sendo este ainda um parente, ou amigo.

Em geral era sempre muito boa pessoa,
E até nem fazia mal a ninguém,
Sem duvida é uma dor que magoa,
Que de longe ou de perto faz sofrer alguém.

Se não for por morte natural,
Isso provoca ainda mais danos,
O que foi morto da forma mais brutal,
Foi um homem apenas de trinta e três anos.

É também filho único, e pelo Pai bem-amado,
Foi homem sem histórias, nunca pecou,
Para salvar nossas vidas Ele nos foi enviado,
Deu Sua vida por nós, porque tanto nos amou.

Por onde passou, curou, ressuscitou,
Deu vista aos cegos, no tempo dos romanos,
Em lugar de amor, o mundo O odiou,
Era um homem apenas de trinta e três anos.

Nasceu em Belém, chama-se Jesus,
Veio ao mundo libertar os humanos,
Não O querendo, O penduraram na Cruz,
Este homem bondoso de trinta e três anos.

Daríamos o nosso filho para salvar alguém?
E ainda se fosse o único que nós tivéssemos?
Na terra isto nunca se passará com ninguém,
Mas se Deus nos pedisse era bom que nós déssemos.

Partiremos todos qualquer que seja a idade,
Quer saibamos ou não para onde vamos
O nosso Jesus detentor da verdade,
Deu a vida por nós aos trinta e três anos.

Article Source

Deixe uma resposta/comentário